Depois de anos sendo um pop culture junkie, finalmente resolvi canalizar minhas energias em algo útil (assim, dependendo da sua perspectiva). Esse blog tem, portanto, o objetivo de documentar quem está causando na cultura pop mas não comentando do óbvio e sim antecipando tendências e o que está por vir. E-mail me @ tacausando@gmail.com. Mais sobre a nossa proposta.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Randomlicious



Gente, deixa eu me vangloriar um pouquinho.


Em fevereiro, todo mundo estava apostando que Ke$ha seria a grande revelação do ano. E, nesse post aqui, eu disse que minha aposta era outra: Nicki Minaj.

Fast-forward para seis meses mais tarde e a MTV está começando a promoção dos VMAs, a grande premiação da cultura pop. Investimentos milionários e, principalmente depois da epicness que foi o ultimo ano (Kanye e Taylor, performances boas, Lady Gaga causando, etc), expectátivas lá no alto.

E quem foram os escolhidos para atrair e pump up o público? Justin Bieber (que é, junto com Lady Gaga, inquestionavelmente a maior sensação pop do momento) e... Nicki Minaj.

Ke$ha, é claro, até participara da festança sendo uma das muitas apresentadoras (junto com outras celebridades de grande escalão como Ashley Greene, Penn Badgley, zzzz). Mas Nicki, junto com Gaga (recordes de indicações e que eu aposto que at some point será anunciada como performer) e Bieber, será a grande estrela da noite.

Minaj não só gravou um trailer exclusivo para a premiação (que ainda não foi ao ar), como também está estampando os outdoors que anunciam o eventonas principais metropoles dos EUA.



Nicki em outdoors em Manhattan e Los Angeles

Daí você se pergunta: Nicki é realmente isso tudo? Ela merece todo esse hype e expectativa? Bom, isso é assunto para um outro post. Mas ó, quem lê esse blog já sabia que ela estava a ponto de explodir faz MESES.

Até o momento, não foi anunciado que Minaj irá se apresentar. Mas, depois de usarem a imagem dela tão exaustivamente, será meio decepcionante se ela não for uma das performers. Principalmente levando em conta que o evento será bem perto da data de lançamento do primeiro single oficial dela. Que lugar melhor para fazer sua primeira performance solo ao vivo do que no palco dos VMAs?

Biebs, por sua vez, já foi confirmado como performer. E ele é o outro mega astro com o qual a MTV está contando para que atraia altas audiências para a premiação. O trailer de Minaj (que parece ter sido inspirado em Alice no País das Maravilhas) ainda não estreou mas o de Justin Bieber já está no ar faz uma semana e é bastante interessante:



E sabe qual foi o outro ato que, para surpresa geral, teve indicações recordes aos VMAs? Florence and the Machine.

Quem acompanha o blog já é bastante familiar com a cantora. Apesar de já ter conquistado a Grã-Bretanha e a Austrália, Florence ainda não alcançou o mega-estrelato nos EUA. A MTV, porém, parece estar decidida a mudar isso. Não só a britânica recebeu quatro indicações, ela será uma das performers da noite.

Outros performers confirmados: Kanye West, que depois de quase arruinar sua carreira nos VMAs do ano passado estará de volta ao mesmo palco em busca da redenção; a grande sensação do momento, Drake e o novato B.o.B. que eu também já fiz profile aqui.

E já que desenterrei esse post, vamos dar uma olhadinha no que aconteceu com as figuras que eu decretei as grandes revelações da música britânica no ano passado.

O La Roux conseguiu o que qualquer artista do mundo sonha: um top 10 hit no maior mercado do planeta, os EUA.



Apesar de ser completamente euro sounding e bem diferente do que as rádios americanas costumam tocar, Bulletproof alcançou a oitava posição no Hot 100 dos EUA e vendeu mais de 1 milhão de cópias na terra do Tio Sam. Nada mal.



Apesar de ainda não ter conquistado muitos mercados além da Grã-Bretanha, o sucesso de Pixie Lott continua impressionante na Terra da Rainha. Seu álbum de estréia já vendeu mais de 600 mil cópias, um dos debuts pop mais bem sucedido dos últimos anos. Além disso, ela emplacou mais dois mega hits: Gravity e Turn It Up.

Pixie continuará no holofote nos próximos meses, com guest spot garantido no maior programa do Reino Unido, The X Factor. E, como eu não me canso de repetir, nada mais efetivo do que uma aparição no programa de Simon Cowell para transformar um sucesso num fenômeno ainda maior.

Pixie continua dando seus passinhos em direção aos EUA. Ela teve um dos papeis principais no filme da sensação do Youtube Fred que foi ao ar com audiência satisfatória na Nickelodeon. O seu primeiro single para o mercado estado-unidense será lançado em breve.

Eu acho a garota meio insossa e manufaturada e bem vanilla para estourar no resto do mundo. O sucesso dela na Grã-Bretanha tem mais a ver com promoção muito bem feita do que com qualquer outra coisa. Por tanto, não sei se ela vai conseguir conquistar o mundo. Porém, um time de marketing bom ela tem.

Um comentário:

  1. Acho que esse ano o VMA vai ser bem morninho como em 2009(que se não fosse o Kanye West ninguém lembraria), toda a polêmica obviamente vai ficar por conta da Lady Gaga (e a maiorias das 13 categorias que ela concorre ela vai levar)... Quem vai ser o apresentador? Russell Brand de novo (eca)?

    ResponderExcluir

Quem sou eu