Depois de anos sendo um pop culture junkie, finalmente resolvi canalizar minhas energias em algo útil (assim, dependendo da sua perspectiva). Esse blog tem, portanto, o objetivo de documentar quem está causando na cultura pop mas não comentando do óbvio e sim antecipando tendências e o que está por vir. E-mail me @ tacausando@gmail.com. Mais sobre a nossa proposta.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Hit do momento: Gotye "Somebody That I Used to Know" (+ top 2011 da Austrália)

Dizer que Somebody That I Used to Know é o sucesso do momento talvez seja meio injusto afinal, foi em julho de 2011 que a música de Gotye, com vocais adicionais de Kimbra, foi lançado na Austrália, país de origem do artista. E foi em agosto que a canção atingiu o topo das paradas de single e, desde então, já alcançou oito vezes platina e vendeu 600 mil unidades (ou seja, um em cada 26 australianos comprou a música legalmente até o momento e a música ainda tá no top 20). Foi no ano passado também que, via Twitter, vários artistas (entre eles, Ashton Kutcher, Lily Allen, Cheryl Cole e Katy Perry) recomendaram a canção e seu vídeo.


Mas finalmente o resto do mundo tá catching up com a Austrália. Semana passada, a música de Gotye alcançou o topo nas paradas britânicas. E, nos EUA, a canção está cada vez mais próxima do top 10 (faz menos de 15 dias o cantor fez sua primeira aparição na TV estado-unidense, no talkshow de Jimmy Kimmel). Além disso tudo, a música alcançou o primeiro lugar em vários outros mercados europeus, entre eles Holanda, Bélgica (o país de origem do cantor, ele se mudou para a Oceania com 2 anos), Dinamarca e a Alemanha, um super mercado em termos de lucro.

O sucesso da canção é impressionante pois a Austrália raramente produz canções de sucesso tão gigantesco. Para se ter uma idéia, além de Somebody That I Used To Know, apenas uma outra canção de um cantor australiano alcançou o topo no país em 2011. E essa canção, pasmem, era do vencedor do X Factor local (que, tecnicamente, é britânico mas, assim como Gotye, se mudou para a Austrália ainda novo).

Mesmo assim, as paradas australianas são interessantes de se observar pois, muitas vezes, o país está na frente do resto do mundo na hora de spot grandes hits. Foi na Austrália que Lady Gaga explodiu primeiro (Just Dance e Poker Face tinham alcançado o topo por lá meses antes dos EUA e da Europa) e também foi o primeiro mercado onde TiK ToK de Ke$ha chegou ao primeiro lugar. O país também foi responsável por ressuscitar a carreira de P!ink, hoje em dia uma das cantoras pop com vendas mais estáveis a nível global.

Gotye começou a ganhar popularidade na Austrália com seu lançamento independente Like Drawing Blood que foi enormemente elogiado pela mídia alternativa local e ganhou bastante airplay na rádio pública jovem Triple J. Porém, ele explodiu para o mainstrem com o sucesso de seu single no mês de agosto e, quando seu álbum Making Mirrors alcançou o topo ao mesmo tempo que sua música liderava as paradas de single, ele se tornou o primeiro artista australiano a liderar ambas as paradas simultaneamente desde Silverchair em 2007.


Porém, apesar de todo o sucesso, Somebody That I Used To Know teve que se contentar em ser o segundo single mais vendido de 2011 na Austrália. O primeiro lugar foi para Party Rock Anthem que, podemos concluir, foi mesmo o anthem do ano. A música vendeu 800 mil unidades no país.

Já nas paradas de CD, Gotye foi responsável pelo quarto maior vendedor do ano, com 250 mil cópias. O top 3 foi idêntico ao ranking anual britânico: Adele com 21; Michael Bublé com Christmas e Bruno Mars com Doo-Woops & Hooligans.

Alias, preparem-se para ficar em choque: a maior vendedora do ano na Austrália foi, surprise surprise, Adele. Como em todo resto do planeta, a britânica arrasou vendendo mais de 720 mil unidades de seu 21, mais que o dobro do que o segundo lugar. Ela ainda alcançou o topo da parada de singles com Rolling in the Deep e Someone Like You (ambos certificados 5x Platina) e teve o DVD musical mais vendido (Live at the Royal Albert Hall; 70 mil unidades em menos de 2 meses).

Top 20 álbuns:  1. Adele - 21 (720 mil); 2. Christmas - Michael Bublé (365 mil); 3. Doo-Woops & Hooligans - Bruno Mars (300 mil); 4. Making Mirrors - Gotye (250 mil); 5. Sorry for Party Rocking - LMFAO (250 mil); 6. Born this Way - Lady Gaga (210 mil); 7. Someone to Watch Over Me - Susan Boyle (180 mil); 8. Wasting Lights - Foo Fighters (150 mil); 9. Duets II - Tony Bennet (140 mil); 10. Mylo Xyloto - Coldplay (140 mil).

Top 20 singles: 1. Party Rock Anthem - LMFAO (800 mil); 2. Somebody That I Used to Know (ft. Kimbra) - Gotye (600 mil); 3. Moves Like Jagger - Maroon 5 ft. Christina Aguilera (540 mil); 4. Someone Like You - Adele (400 mil); 5. Rolling in the Deep - Adele (370 mil); 6. Sexy and I Know It - LMFAO (350 mil); 7. Give Me Everything (ft. Ne-Yo & Afrojack) - Pitbull (350 mil); 8. Born this Way - Lady Gaga (320 mil); 9. Price Tag - Jessie J (320 mil); 10. On the Floor (ft. Pitbull) - J.Lo (300 mil)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu