Depois de anos sendo um pop culture junkie, finalmente resolvi canalizar minhas energias em algo útil (assim, dependendo da sua perspectiva). Esse blog tem, portanto, o objetivo de documentar quem está causando na cultura pop mas não comentando do óbvio e sim antecipando tendências e o que está por vir. E-mail me @ tacausando@gmail.com. Mais sobre a nossa proposta.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Chart watch UK+OZ: Tinie Tempah bring the stars out e consegue primeiro lugar no Reino Unido



Tinie Tempah, um rapper de 21 anos do sul de Londres, começa sua carreira com o pé direito. Seu primeiro single, Pass Out, estréia no topo das paradas, com altíssimas 92 mil cópias vendidas. A música urbana está em alta no Reino Unido atualmente, com artistas como Chipmunk, Dizzee Rascal, Tinchy Stryder e N-Dubz tendo grande repercussão e vendendo milhares de álbuns e singles. Para quem tiver interessado, o clipe de Pass Out, cujo incorporamento está desativado, pode ser visto aqui.



Outra artista que fez bonito essa semana foi Rihanna. A cantora caribenha de 22 anos não é estranha ao topo das paradas, já tendo tido centenas de hits. Rude Boy é mais um para a lista. A música alcança o primeiro lugar na Austrália e o segundo na Grã-Bretanha.

Jason DeRulo, que ocupou o topo com In My Head em ambos os países semana passada, cai para segundo lugar na Austrália e para terceiro na Grã-Bretanha.

Na Austrália, a unica nova música a penetrar o top 10 foi Hey Soul Sister do Train. O single ressuscitou a esquecida banda nos EUA (onde alcançou o top 5) e tudo indica que fará o mesmo no país da Oceania: a música alcança a sétima posição essa semana.

No mais, Memories de Kid Cudi e David Guetta volta para o top 5, alcançando a terceira posição. A paródia de TiK ToK feita pelo Midnight Beast ocupa o quarto lugar seguido de Fireflies do Owl City. O top 10 também conta com Replay do Iyaz em sexto, Blah Blah Blah da Ke$ha em oitavo, 3 Words da Cheryl Cole com o Will.I.Am em nono e Today was a Fairytale da Taylor Swift em décimo.

Além de Tinnie, o top 5 britânico teve poucas entries novas. Rihanna em segundo, DeRulo em terceiro, Ellie Goulding com Starry Eyed em quarto e Florence & the Machine e Dizzee Rascal com You've Got the Dirtee Love (ao vivo nos BRIT) em quinto (a música se manteve no top 5 muito mais tempo que o esperado pois a Radio 1, principal rádio do país, colocou o single ao-vivo em alta rotação).

O sexto lugar foi para Empire State of Mind (part II) de Alicia Keys e o sétimo lugar para o dueto de Timbaland com Katy Perry (If We Ever Meet Again). As três posições finais do top 10 foram todas novas entries.




Em oitavo, a música do rapper Wiley com Emeli Sande, Never Be Your Woman.

Em novo lugar, o novo single da boyband Boyzone, Gave It All Away. A boyband irlandesa foi um gigantesco sucesso em meados dos anos 90 na Grã-Bretanha, alcançando o topo com dezenas de singles e CDs. Eles se separaram em 2000 mas, com o gigantesco sucesso do retorno do Take That, eles resolveram se reunir também em 2007. Apesar deles não terem alcançado nem 1/10 do aclame que o Take That conseguiu, o retorno deles foi bem-sucedido, com uma turnê esgotada e mais de 500 mil cópias vendidas da coletânea.

O single, produzido por Mika, é uma homenagem a Stephen Gately, integrante morto no ano passado.



Encerrando o top 10, a mulher mais amada da Grã-Bretanha, Cheryl Cole, com seu terceiro single, Parachutes.


Ellie Goulding

Na parada de CDs britânicas, quem ocupa o topo é Ellie Goulding. Como comentei semana passada, a jovem é a mais cotada para ser a grande revelação do ano na Grã-Bretanha e, por enquanto, ela não está fazendo feio: seu segundo single, Starry Eyed, alcançou o top 5 e seu álbum foi direto para o primeiro lugar.

Também no top 5 das paradas de CDs: Lady Gaga com The Fame, cada vez mais próxima de 2 milhões de cópias vendidas na terra da rainha; Alicia Keys com The Element of Freedom, que deve ultrapassar as 500 mil cópias em breve; a trilha sonora de Glee e, cada vez mais próxima do 1 milhão, Florence & the Machine com Lungs.

Em sexto lugar, Paolo Nutini e seu Sunny Side-Up seguido de Mumford & Sons com Sigh no More, que alcança disco de platina essa semana.

Depois de dois grandes hits, Whatcha Say e On My Head, o álbum de estréia de Jason DeRulo debuta na oitava posição. Em nono, Rated R, o quarto CD de Rihanna que, impulsionado pelo sucesso de Rude Boy, volta ao top 10. Encerrando os mais vendidos, André Rieu e seu álbum Live from Vienna.

Na Austrália, k.d. lang e Mumford & Sons trocam de posição. Recollection, a coletânea da canadense, ocupa o primeiro lugar enquanto Sigh no More fica em segundo. Susan Boyle e I Dreamed a Dream se mantém firme e forte no terceiro lugar. Também no top 5: Lady Gaga (The Fame) e Taylor Swift (Fearless).

A segunda metade do top 10 foi invadida por álbuns com "Love" no título. Sade e seu Soldier of Love ocupam o sexto lugar nas paradas australianas. Já One Love do produtor francês David Guetta volta ao top 10 graças ao sucesso do single Memories. E Crazy Love do canadense Michael Bublé ocupa o oitavo lugar.

Encerrando o top 10, os britânicos George Michael (com Twenty Nine) e Florence & the Machine (Lungs).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

Quem sou eu